Presidente do SINPOL-TO cobra da PGE parecer que trata da implementação dos padrões

08/08/2022 17/08/2022 10:10 283 visualizações

Em reunião com o Procurador-Geral do Estado,Kledsonde Moura Lima, a presidente do SINPOL-TO, Suzi Francisca, pediu agilidade no parecer que trata, entre outrasquestões, da implementação dos padrões. O encontro aconteceu nesta segunda-feira (8).

Após cobranças realizadas pelo Sindicato dos Policiais Civis do Tocantins (SINPOL-TO), em relação à implementação dos padrões com datas que antecedem ao ano de 2017, a Secretaria da Administração (Secad) informou que o motivo do atraso na resolução dessa situação se deu devido ao fato da pasta estar aguardando a emissão de um parecer da Procuradoria-Geral do Estado (PGE) que determinará qual será o entendimento adotado pelaSecadem relação a esses casos.

Como ainda não houve resposta da PGE e os servidores seguem prejudicados, a presidente Suzi Francisca se reuniu com o Procurador-Geral, para solicitar celeridade ao atendimento da demanda.

Em resposta,Kledsonde Moura se mostrou disposto a resolver essa pendência e disse entender a gravidade da situação, que tem prejudicado diversos policiais e os privando dos seus direitos legítimos. Ele pediu um curto prazo para que possa analisar a situação.

"É inadmissível que excelentes policiais civis sejam privados de seus direitos legítimos e garantido por leis. Temos filiados que até hoje não tiveram suas progressões implementadas em folha", disse a presidente Suzi Francisca. "Agradeço o Procurador-Geral,Kledsonde Moura, pela compreensão e por, prontamente, se colocar à nossa disposição para resolver essa situação", finaliza a presidente.