Assessoria Jurídica do SINPOL-TO consegue absolver Policial Civil acusado de Homicídio.

22/06/2018 22/06/2018 21:34 551 visualizações

A Assessoria Jurídica, juntamente com o Dir Jurídico e o Presidente do SINPOL-TO participaram do julgamento do Agente de Policia Cilson de Lima, na cidade de Wanderlândia-TO, na manhã desta sexta-feira, 22.

A Assessoria Jurídica atuou com os advogados Dr. Maurício Ughini e Dr. Paulo Roberto, além do apoio do Dr. Álvaro. O caso já estava na justiça a quase 16 anos, e teve seu desfecho favorável ao Policial Civil. 

O Presidente do SINPOL-TO, Ubiratan Rebello e o Dir. Jurídico Adriano Borges, se deslocaram até Wanderlândia para acompanharem pessoalmente o julgamento, que ao final absolveu por unanimidade o colega Cilson de Lima.

Para o Dir. Jurídico, Adriano Borges a atuação dos advogados teve um papel fundamental para o resultado da absolvição, "O SINPOL-TO, através de seu corpo jurídico atua na defesa incondicional ao Policiail Civil", disse Adriano.

Cilson de Lima, agradeceu o apoio recebido pelo sindicato e destacou a presteza do Diretor Jurídico, Adriano Borges e dos advogados que fizeram sua defesa.

 

Para Ubiratan Rebello, esta absolvição trás o desfecho a um caso emblemático que já se arrastava a quase duas décadas, a atuação do sindicato foi de extrema importância. "Umas das responsabilidades do sindicato é dar respaldo jurídico aos policiais, quando no exercício de suas atribuições ou em razão delas, forem vitimas ou acusados de infrações penais" finalizou Rebello.